O relato a seguir foi feito pela aluna Kamilla Kennya Garcia de Araujo:

No dia 24 de maio foi realizada uma visita técnica no município de Assaré, no distrito de Baixa Grande. A turma de TS e Permacultura da UFCA e a turma do Curso Técnico Agrícola do IFCE seguiram acompanhadas dos seus professores respectivos, Eduardo e Brisa. Fomos muito bem recebidos pela senhorita Adriana Brasil, filha de uma das famílias beneficiadas pelo credito fundiário, que resultou no assentamento e em suas benfeitorias. No total são 6 famílias cuidando de uma área bem considerável. Ela é responsável por muitos melhoramentos, juntamente com a associação local dos produtores.

WhatsApp Image 2017-06-18 at 21.07.58

Eles recebem acompanhamento técnico da EmaterCE e de quem se dispuser a orientá-los. São bastante receptivos, abertos a informações e muito ativos em fazer um manejo que dá condições de conservação e renovação de solos, uso de defensivos e adubos naturais, uso consciente de agua aproveitando da melhor maneira para não haver desperdício (principalmente por ter enfrentado uma seca prolongada e severa), aproveitando as outras plantas e material orgânico para estar constantemente fazendo compostagem e nutrindo o solo. As culturas são bem variadas. Arroz, cebolinha, quiabo, coentro, mamão, alface são bastante comuns nas áreas. A produção excedente é escoada via Programa de Aquisição de Alimentos (P.A.A) e feiras.

WhatsApp Image 2017-06-18 at 21.08.16

Em um dos quintais, observamos que os alimentos são produzidos em sistema agroecológico, respeitando a diversidade e o manejo é excelente aproveitando os restos da cultura para fazer compostagem ao ar livre. Também é feita a compostagem anaeróbica em um tambor de 20 litros com restos de alimento, cana-de- açucar, esterco fresco e outros materiais. Produz adubo liquido que vai ser dissolvido e pulverizado na plantação quando necessário. Outro exemplo é um quintal que mantem plantas medicinais numa variedade bem considerável, ficando disponível em boas quantidades para quem vive por ali. Foi uma visita bastante enriquecedora e estimulante para que cada vez mais possamos estimular e trocar conhecimentos sobre esse cuidado com a natureza, respeitando e mantendo o equilíbrio entre o que retiramos e retribuímos.

WhatsApp Image 2017-06-18 at 21.08.32

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

css.php